Petitsofie

Blog

Lancheira Saudável?

 

Olá Pessoal…

O tema de hoje é polemico, afinal… Levante a mão quem nunca se estressou na hora de montar a lancheira ou conceder permissões na cantina do colégio ?‍♀️. Pois é, isso acontece diariamente na maioria das casas que conheço. Sou mãe de uma menina de 9 anos e um menino de 3, sigo uma alimentação saudável, no meu prato tem várias cores mas na dos meu filhos…nossa que caos…Por mais que me esforce aqui em casa a introdução de produtos saudáveis é uma luta!

O que podemos fazer? Bom vou falar por mim, aqui fazemos combinados e algumas trocas, por exemplo:

  • Água ou água de coco ao invés de suco de caixinha;
  • Bolacha integral ao invés da comum;
  • Ovinho de Codorna e cubinhos de queijo fazem sucesso;
  • 1x por semana Sofia a mais velha pode comer na cantina do colégio;

Temos o hábito de nos culpar e sim nós temos culpa, pois abrimos concessões por ficarmos com dó, mas se pararmos para pensar ” Eu como isso?” se a resposta for não então nossos filhos também não deveriam comer, por que daríamos refrigerante para eles se nós não tomamos e sabemos o quanto faz mal, não é mesmo?

E vocês? O que colocam na lancheira? Qual o dilema que enfrentam?

Conte para nós, participe, mande receitas, dicas, vamos adorar compartilhar suas ideias e sugestões!

Até Breve

Petit Bisou ?

Empatia, como ensinarmos nossos filhos a ter!!!

Olá Pessoal,

Fiquei muito feliz com a repercussão do post sobre Limites e resolvi falar um pouquinho sobre um dos subtemas que tinha dentro dele que é a EMPATIA!

Hoje essa habilidade socioemocional é considerada a principal competência do mundo moderno.

Em tempos de internet e de escassez de relações interpessoais e deficiência nos programas socioemocionais na maioria das escolas , esse aprendizado acaba ficando a cargo da vida cotidiana, isso quer dizer, da família. Por isso nós pais temos que ficar atentos a essa prioridade na vida dos nossos filhos.

A empatia, que é a capacidade de se colocar no lugar do outro, enxergar o mundo pelo seus olhos e compartilhar seus sentimentos, é a principal habilidade socioemocional e precisa ser desenvolvida de maneira prioritária para que tenhamos famílias, e consequentemente sociedades mais saudáveis e felizes. Guerras, intolerância, preconceitos, violência, entre outros problemas, poderiam ser evitados se estivéssemos mais conectados emocionalmente com outro.

O primeiro passo no desenvolvimento da empatia é o de compreender sentimentos. Quando as crianças chegam, com 3 anos, com pouca vivência fora do ambiente familiar, percebemos que elas veem as coisas sob uma perspectiva individualista. Depois que passam a integrar em ambientes com mais crianças e pessoas que saem do circulo familiar , elas aprendem a perceber o outro e as diferentes realidades, a esperar sua vez de falar, a dividir espaços e a ajudar o amigo. A leitura de histórias e a identificação com personagens dão um impulso no imaginário necessário para a criança se reconhecer e se colocar no lugar do outro.

Desenvolver a empatia tornou-se tão urgente que o item já está entre as dez competências gerais da nova Base Nacional Comum Curricular, que diz:

  • AUTOCONHECIEMNTO E AUTOCUIDADO – conhecer-se, compreender-se na diversidade humana e apreciar-se para cuidar da saúde física e emocional, reconhecendo suas emoções e a dos outros com autocrítica e capacidade para lidar com elas.
  • EMPATIA E COOPERAÇÃO – exercitar a empatia, o diálogo, a resolução de conflitos e a cooperação para fazer-se respeitar e promover o respeito ao outro e aos direitos humanos, com acolhimento e valorização da diversidade, sem preconceitos de qualquer natureza.
  • RESPONSABILIDADE E CIDADANIA – agir pessoal e coletivamente com autonomia, responsabilidade, flexibilidade, resiliência e determinação para tomar decisões com base em princípios éticos, democráticos, inclusivos, sustentáveis e solidários.

Fiquei particularmente feliz quando no início do ano letivo de 2018 o colégio da minha filha mais velha, que é um colégio tradicional e conteudista trouxe essa questão de forma tão incisiva, se comprometendo fortemente em ajudar nós pais nessa tarefa de se colocar lugar do outro. E senti durante esse ano uma grande mudança no comportamento geral das crianças que se relacionam com a minha filha, o que me deixa muito aliviada e feliz por estarmos construindo um futuro com crianças mais seguras, mais humanas e mais preparadas para saberem lhe dar com as frustrações sem reagir com violência e intolerância.

Para quem quiser saber mais sobre o assunto, abaixo segue dica de livros incríveis:

    • Livro INTELIGENCIA EMOCIONAL (Daniel Goleman)
    • Livro ALIMENTE BEM SUAS EMOÇÕES ( Dra Gisela Savioli)
  • Livro ATIVIDADES PARA O DESENVOLVIMENTO DA INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NAS CRIANÇAS (GROP)

Referências – Revista VIVA, Exame, Você S/A e G1

Até Breve,

Petit Bisou ?

Joia do Dia...

Olá Pessoal, 

Hoje vim trazer uma novidade dentro do mundo feminino e joalheiro…

Vocês já ouviram falar em “Joia do Dia”??? 

Se trata de um lindo pratinho de porcelana personalizado pintado a mão com detalhes em ouro ou somente pintado, que pode ser usado na cabeceira da cama, no banheiro ou nos lugares em que você desejar, pois nele você coloca as joias do dia a dia que acaba tirando para tomar banho, dormir, etc… É um mimo um mais lindo que outro!

Agora o melhor de tudo, nem todos sabem mas tenho uma mãe artista, sim Dna Lina é artista plastica, tem como maior habilidade e paixão a porcelana e foi ela quem me trouxe essa novidade, o que isso quer dizer??? Quer dizer que nós da Petit Sofie faremos também esses lindos pratinhos exclusivos em breve a venda no nosso site.

Para vocês não ficarem com água na boca aí vai uma amostra para ficar de desejo do dia!!!

Até Breve,

Petit Bisou?

Limites... Como dosar?!!!

Olá Pessoal…

Ouvi uma palestra com a psicóloga e arteterapeuta Bianca Sollero e quero dividir com vocês um pouquinho desse conteúdo, que é bastante polemico e envolve muita gente e como dizemos envolve muito “pitaco” afinal quem nunca ouviu de uma tia, ou sogra ou conhecido ” VOCÊ NÃO DA LIMITES PARA ESSA CRIANÇA” ou ” ESSA CRIANÇA ACHA QUE PODE FAZER TUDO” e nós mães sabemos o quanto isso nos incomoda pois claro sempre fazemos achando que estamos acertando e queremos o melhor para os nossos PETIT, não é mesmo?

Dentro da Educação Criativa tem dois conceitos que andam de mãos dadas com o limite que são o AMOR e a LIBERDADE CRIATIVA.

Não existe educação sem limites. Crianças sem limites se tornam pessoas sem educação, o propósito da educação é promover cidadãos que saibam conviver. Precisamos lembrar que somos produto do meio em que vivemos e cada um tem seu temperamento, cada criança é única e não tem receita de bolo para educa-las de forma igual!

Mas enfim PARA QUE SERVEM OS LIMITES????

Eles servem para nos dar noção do início, meio e fim e para delimitar as coisas. Cuidado com o uso do NÃO, ele deve ser escolhido e não banalizado.

Limite tem a ver com maturidade, não vai adiantar você impor limites ao seu filho (a) de dois anos usando palavras difíceis ou colocando eles para pensar…não existe maturidade, não existe ainda entendimento para ele ficar ali sentando pensando na parede que ele riscou (que afinal para ele foi divertido, rs), por isso a importância de darmos autonomia, em doses homeopáticas assim começará o entendimento do que eles podem e do que eles não podem fazer, isso ajuda a desenvolver a empatia ( se colocar no lugar do outro).

Os limites ajudarão a criança a conhecer seu potencial e a desenvolve-lo ao máximo. Um simples não as vezes abre várias outras opções para as crianças.

Crianças até 2 anos – muita paciência com as birras porque elas ainda não sabem se expressar, para ver sua expressão.

Crianças de 3 até 5 anos – o não é categórico, quando descumprirem o que foi dito mostre suas emoções é importante falarmos das nossas emoções com elas, olhe com cara de triste ou sério e bem sério e fique assim por um tempo, você verá que ela vai começar a perceber que não está tudo bem, se for preciso segure com firmeza (não machucando mas firmeza) e deixe ela olhar seu rosto. Faça espelhamento, fale chorando com ela por exemplo.

Crianças 6 e 7 anos – Contextualize o não, ajude a criança a expressar o que sente.

Crianças de 8 até 12 anos – Já deve existir autonomia incorpore a autoavaliação e a noção de consequência (na autoavaliação você pode fazer um quadro de tarefas diárias onde a própria criança coloque o adesivo verde ou da cor que escolher para a atividade que foi feita e adesivo preto ou vermelho para a tarefa que não foi feita)

Vamos respirar fundo e respeitar também os limites dos nossos filhos, inclusive nas dificuldades! Não é fácil e não podemos desistir, certo?!

E aí, gostaram? Vamos falar mais sobre o assunto, comente ai em baixo sua experiência com limites, deixe dicas, sugestões, compartilhe!

Sugestões de Livros

♥ As 5 Linguagens do Amor  das Crianças (Gary Chapman E Ross Campbell)

♥ Nova Terra Nova Raça Humana Índigos e Cristais (Monica de Medeiros)

♥ Blog – Liberte Seus Dons

Créditos – foto Felipe meu caçula de 2 anos na foto com seu bico de pura birra

Até Breve

Petit Bisou?

Dia das Crianças...

   

           Olá meus queridos…

Que dia especial é hoje, não é mesmo? Simmmm hoje é o dia só deles, dos nossos Petit, e você sabia que o Dia Das Crianças foi “inventado” por Delgado do Valle filho, um deputado, que teve a ideia de criar um dia em homenagem as crianças na década de 1920, os deputados aprovaram  o dia 12 de Outubro e em 15 de Novembro de 1924 foi oficializado por meio do decreto n°4867, porém só em 1960 quando a fabrica de brinquedos Estrela junto com a johnson criou uma campanha de marketing para alavancar a vendas é que o dia começou realmente a ser comemorado e com muitosssss brinquedos, que é o que realmente as crianças gostam!!!!

A ONU (Organização das Nações Unidas) também quis reservar um dia para essa comemoração e essa data foi escolhida como 20 de Novembro a mesma data em que foi aprovada a Declaração dos Direitos das Crianças, e concedeu que cada país comemorasse na data que culturalmente cabece a cada país.

Mais importante que comemorar essa data somos nós cidadãos do mundo que podemos ajudar a  garantir que nossas crianças tenham seus direitos respeitados e cumpridos. Na nossa Constituição em 1988 foi criado o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que é uma série de leis super importantes que protegem os direitos das Crianças, incluindo entre eles educação, saúde e moradia… Porém sabemos que mesmo com todas essas leis elas não são 100% eficazes nem garantia, pois vemos milhares de crianças nas ruas, fora da escola e com precária saúde. Temos que trazer essa consciência para nós e ajudarmos da forma que conseguimos, seja com tempo de dedicação a um trabalho voluntário, seja com doações monetárias ou de insumos, não importa com o que, o que importa é cada um fazer sua parte para termos um país mais justo para eles.

E vamos comemorar porque hoje é dia de festa e muito esperado pelos nossos Petit. Participe, mande uma foto com a sua comemoração do dia das Crianças (pode ser da criança, do presente, a que vocês acharem melhor) . O sorteio ocorrerá ao vivo no nosso Insta dia 20 às 20h!

Para concorrer nos siga no nosso Instagram⇒@joiaspetitsofie e envie sua foto para⇒ contato@petitsofie.com.br com o assunto Dia Das Crianças até o dia 20 de Outubro de 2018, o ganhador terá sua foto publicada no nosso Blog e no nosso Instagran, corre lá e participe!

O ganhador será anunciado dia 20 de Outubro às 20h, através do nossos canais de comunicação!

Petit Bisou ?

FELIPE NOSSO TOM AZUL QUE ANIMA E TRAZ COR AO NOSSO MUNDO MÁGICO!!!
Sofia, minha inspiração para criação do nosso Site!

*Referências – Portal da família e Estudo Kids (terra educação).

Esmeraldas...

Olá Pessoal,

Escolhi hoje contar um pouco para vocês sobre as ESMERALDAS, sim aquela gema verde encantadora e cheia de histórias…vamos lá!

As Esmeraldas estão desde o início do pensamento humano entre as pedras preciosas mais desejadas e valiosas. os gregos chamavam-na “a Deusa verde de todas as pedras”. Entre os romanos, era considerada “a pedra do amor”, da confiabilidade e fidelidade. No Egito, Cleópatra enfeitava-se com as mais belas Esmeraldas, pois acreditava-se que nelas residia a eterna beleza de Vênus e que remoçava a aparência.

A Esmeralda pode ser encontrada em quase todo o mundo, porém algumas das melhores pedras de hoje são da Colômbia, que produz mais de metade de todas as esmeraldas no mundo. Alguns dos outros países onde podemos encontrá-la incluem os EUA, Brasil, Afeganistão, Espanha, África do Sul, Suíça, Camboja e China.

Sem duvida é uma gema fascinante que voltou com tudo no gosto das mulheres, aqui no Brasil tivemos uma força extra pela novela “O Outro Lado do Paraíso” da globo. Fato é, que a esmeralda era vista como uma gema que só era usada por mulheres mais maduras e de forma mais tradicional adicionada a armações rococós e que acabavam sendo pouco usadas já que geralmente se confeccionavam peças grandes e cheias de diamantes ao torno. Nesse resgaste do uso da esmeralda ela veio com ar mais contemporâneo, moderno mesclando metais mais leves e com cores vibrantes como a do ródio negro, inclusive para os Petit

“Solitário de Esmeralda colombiana do nosso acervo”

Importante dizer que a esmeralda possui como característica própria inclusões internas (impurezas) que ao contrário das outras pedras não lhe tira o valor, pelo contrário ajuda a atestar sua veracidade, tanto que suas inclusões ganharam o nome de ” jardins das esmeraldas”. É uma gema frágil e que requer cuidados, ela é mais sensível que as de mais, na joalheria usamos o termo MOHS que mede a dureza da pedra a da esmeralda é 7,5 / 8 (comparando com a do diamante que 10, podemos então ter uma noção que ela requer cautela no uso, pois não aguenta pancadas ou quedas.

Seu verde mais raro e valioso é o que denominaram nas joalherias como “o verde da grama da primavera”, porém encontramos esmeraldas desde o tom de verde mais escuros (geralmente as Brasileiras) e aos tons mais claros e luminosos (como as colombianas), as cores vão mudar de acordo com a quantidade de inclusões da pedra e também país de origem, pois cada solo apresentará diferentes tipos de mineração o que fará ter mais ou menos intensidade na cor.

Esmeralda Brasileira Lapidação gota
Esmeralda Colombiana Lapidação gota

E aí, gostaram? Deixem um comentário ai em baixo, lembrando que nosso site Petit Sofie faz peças sob encomenda, e você pode ter sua esmeralda, brasileira ou colombiana, gota ou redonda ou qualquer lapidação que desejar, nos consulte contato@www.joiaspetitsofie.com.br

Até Breve,

Petit Bisou?

Coragem, como criarmos crianças corajosas!!!

Olá Pessoal…

No início desse ano fiz um curso sobre criar crianças criativas com Murilo Gun, foi uma imersão incrível no universo infantil criativo e quero ao longo do tempo abordar vários itens que foram tratados nesse curso, escolhi primeiro falar um pouco sobre CORAGEM…

” Coragem não significa a ausência de medo, e sim a ação apesar deste”

Aposto que vocês já ouviram falar “criança corajosa é um PERIGO…. Errado, criança medrosa é um perigo, pois elas sim terão dificuldades de enfrentar o mundo.

Aristoteles já dizia ” A coragem é a primeira das qualidades humanas porque garante todas as outras”

Não temos que temer e sim conduzir nossos petit ensinando que a coragem é a EXECUÇÂO, coragem é FAZER, são as ASAS da alma, pois gaiolas são lugares ondem as certezas moram. Temos que mostrar que precisamos seguir em frente, mesmo com medo.

Nós pais temos que ter muito cuidado e atenção para não transferirmos nossos medos para nossos petit, precisamos entender o medo, pois, quando há uma compreensão do medo há um entendimento de todos os problemas relacionados a esse medo. Quando não há medo há LIBERDADE.

COMO PODEMOS AJUDÁ-LOS???

Ensine os nomes dos sentimentos, assim como ensina o nome das cores e números;

Pergunte – “O que você está sentindo?”

Ensine que eles não precisam agradar a todo mundo;

Brinquem de criar soluções para pequenos problemas – proatividade

Incentive a criança a dar o primeiro passo de explorar o desconhecido, faça junto com ela, ajude analisar o risco e tomar decisões.

Deixe que ela faça mas como os trapezistas seja sua rede de proteção!

A foto que está no post é da Sofia com seu padrinho ajudando ela a superar seu medo em andar em perna de pau, hoje ela já aposta corrida com essa perna, claro levou tombos, caiu e levantou, não desistiu, não teve medo do desconhecido porque enquanto ainda não compreendia o medo sua rede de proteção estava lá!

WALK THE TALK – Faça o que fala

SEJA O EXEMPLO

Dica de livros:

♥ O Cérebro da Criança (Daniel J. Siegel) 

♥ Limites sem Traumas (Tania Zagury)

♥ Para os Petit – O QUE FAZER COM UMA IDEIA? (Kobi Yamada)

♥ Para os Petit – O QUE VOCÊ FAZ COM UM PROBLEMA (Kobi Yamada). 

As duas indicações para os Petit falam sobre CORAGEM na linguagem deles, muito pético com uma rica histpria encantadora, vale muito a pena!

Gostaram??? Comente ai em baixo, vamos debater esse assunto é muito legal, me conte sua história vou adorar participar!

Até breve!

Petit Bisou?

Diamantes ou Brilhantes...

Olá Pessoal…

Hoje o tema escolhido foi minha pedra favorita, DIAMANTE e de muitas mulheres claro!!!

Existe uma duvida primária sobre o que é diamante e o que é brilhante, e não é a mesma coisa, isso mesmo não é. Usamos a palavra Diamante para a pedra e Brilhante para a lapidação.

O processo de lapidação dos diamantes evoluiu aos poucos ao longo do tempo até chegar ao moderno corte conhecido como brilhante, que possui 58 facetas e explora ao máximo as qualidades óticas do diamante, resultando em maior brilho, nessa lapidação há uma maior refração de luz que explode ao sair pela mesa do diamante (parte superior da pedra) e isso chamamos de fogo do diamante, sabe quando você balança a pedra e ela emite aqueles raios que parecem mini arco iris? É isso o fogo do diamante!
Outras pedras também podem ser lapidadas com a lapidação brilhante, então aqui no site vocês vão ouvir muito eu falar de diamante e quando a lapidação for diferente sempre citarei diamante na lapidação x.

É muito importante sabermos essa diferença, certa vez estava eu em outro estado e resolvi entrar em uma joalheria e comecei a olhar meia alianças perguntei o preço, achei um pouco alto e a vendedora me falou ” vou buscar para senhora então os anéis com brilhantes que são mais baratos” OIIII???? Eu falei como assim??? e ela tornou a repetir, sim brilhantes são mais baratos, eu pedi para chamar a gerente e a mesma me esclareceu que eram zircônias e que chamavam assim para não desmerecer a pedra… Saí super aborrecida da loja, pois em primeiro lugar, zircônias não são pedras naturais são pedras produzidas em laboratórios (sintéticas), segundo, dar o nome de brilhante a elas é uma forma de “enganar ou induzir ao erro” o cliente…enfim é importante sabermos essas diferenças para fazermos uma boa escolha, afinal diamantes são para a vida toda!

Aqui no nosso site escolhemos trabalhar exclusivamente com pedras naturais, não temos em nenhuma de nossas peças pedras sintéticas.

Brinco Cora da Coleção “Encantos da Sofie” com diamante na lapidação brilhante e cravação inglesa (BR874)

 

Esse tema é amplo e ainda falaremos mais sobre ele, não deixe de colocar ai em baixo seu comentário e sugerir temas para abordamos!

Petit Bisou ?

Furar a orelinha do Bebê...Sim ou Não???

Olá Pessoal, hoje a Sofie  traz uma discussão dentro do universo feminino da maternidade! Quem tem uma bebezinha ou está a espera de uma já deve ter se perguntado, furo ou não furo a orelinha? Quando? Como? Qual melhor brinco para isso? Esse Post vai ajudar vocês com algumas dicas e esclarecimentos, então vamos lá......

Blog da Sofie

Olá, sejam bem vindos ao Blog da Sofie... Esse primeiro post é para nos conhecermos melhor. Quem leu lá no nosso site o Quem somos viu que eu já estou no universo joalheiro já faz um tempo, mas precisamente 16 anos, durante essa jornada trabalhei em grandes empresas joalheiras que me ensinaram muito desse mundo...